Páginas

sábado, 6 de junho de 2009

Dia de descanso


6 de junho


Três Atendimentos Médicos


E o meu Deus, segundo a Sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades. Filipenses 4:19.
Tive a bênção de participar de um estudo, na Clínica Mayo, sobre problemas circulatórios em doenças do coração e pulmão. Por dois anos, minha fiel irmã nos acompanhou nos exames, para ajudar a cuidar do meu esposo, que tem esclerose múltipla.
Na minha última visita, quando estava na última consulta do dia, uma policial entrou no quarto e disse: “Sua irmã foi levada de ambulância para o Hospital St. Mary.” Contou que minha irmã ainda estava na área de espera do pronto-socorro. Logo que meu compromisso terminou, meu esposo e eu esperamos 35 minutos para que o ônibus circular nos levasse pelo trajeto de 15 minutos até o Hospital St. Mary. Era um dia muito ventoso e frio, e o ônibus nos deixou a certa distância da entrada. Pude ver que meu esposo estava tendo dificuldade e, no momento em que agarrei seu braço, ele se inclinou para a frente e desabou de bruços sobre o concreto, a uns quatro metros da entrada do pronto-socorro. Estava inconsciente, com o rosto cortado e sangrando muito. Fiquei ali, em choque, enquanto alguém corria para buscar socorro.
Num instante ele estava na emergência, ligado a monitores e oxigênio e, graças a Deus, consciente. Soubemos que ele sofrera um ataque cardíaco. Eles o internaram e fizeram o necessário – stents e angioplastia. A parte inferior do coração, disseram, não recebia oxigênio suficiente, causando o ataque.
Minha irmã foi liberada depois de algumas horas. Os médicos concluíram que uma interação medicamentosa havia causado a tontura, enquanto ela se encontrava na biblioteca da Clínica Mayo.
Que dia! Se não fosse o problema da medicação da minha irmã e os 50 minutos que levamos para ir de um hospital ao outro, teríamos percorrido uma boa distância a caminho de casa, no meio do nada, no momento em que meu esposo teve o ataque cardíaco.
O Senhor usa muitas maneiras para nos proteger. Todos disseram: “Você não poderia ter escolhido um lugar melhor para sofrer um ataque cardíaco do que na entrada do pronto-socorro de um hospital!” Ele recebeu imediatamente o melhor atendimento.
Louvado seja o Senhor por saber sempre, exatamente, do que precisamos!


FELIZ SÁBADO


Luciani.

2 comentários:

Menina Super Poderosa disse...

Muito tempo que eu não passava por aqui.
Tá lindo seu blog.
Beijos.

Lorena disse...

Oi querida!!foi so RA mesmo....fiz vigilantes do peso e caminhadas na fase de emagrecimento....eu erA MUITOOO DETERMINADA,ATE CHATA,MAS NAO SAIA DO MEU OBJETIVO.....como vc leu sempre fui mto gorda,e com 13 anos pesei 93 kg!!cansei!!!resolvio dar um basta....e vi q pra isso eu ia ter q mudar tudo na minha vida em relaçao a comida,e fui oq fiz,sempre gostei mto de esportes e frutas,mas comia mto doce e era compulsiva....tem varias coisas doces q ajudam a dieta,tem umas goiabadas diets da marca delaksa que sao pouco caloricas e diocinhas....vou postar algumas dicas la no meu blog....bjus e sucesso....so vc pode mudar isso!!!podemos ajudar....vc pode eu consegui!!!